"Sábado de Sol", mas com nuvens espassas

Queridos amigos, deixo aqui um abraço de profundo lamento pela forma com que foi conduzida toda a questão que envolveu a saída do Sábado de Sol, momentaneamente, dos palcos que o fizeram nascer e se tornar uma das referências de muitas crianças, jovens e adultos. Mas parece que existem ainda pessoas aptas a julgar os outros, em nome de um que dizia: "não julgueis para não serdes julgados".
Faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço.
Parafraseando sempre o mesmo Jesus, "Pai, perdoai-os, eles não sabem o que fazem!".